Sport goleia e se aproxima da final

O Sport deu um grande passe para chegar na final do Campeonato Pernambucano. O time rubro-negro bateu o Central por 3×0, em Caruaru, pela primeira partida da semifinal da competição. Com o resultado, o time leonino pode até perder por dois gols de diferença que estará na decisão do estadual. O Central vai precisar vencer por quatro gols de diferença. O time centralino ainda conquista a vaga se ganhar por três gols, desde que seja de 4×1 para cima. A definição da vaga só irá para os pênaltis se o Central vencer por 3×0 na Ilha do Retiro.

O Central começou o jogo tentando explorar o erro do Sport e as velocidades de seus jogadores. A primeira chance foi centralina aos três minutos com um chute de Rafinha que Magrão defendeu e mandou para escanteio. Aos cinco minutos, Eduardo Ramos recebeu na área e chutou, Isaías defendeu. A falta de tranquilidade na hora de finalizar impediu o Central de chegar com mais perigo e abrir o placar. Aos poucos o Sport foi diminuindo os espaços e foi chegando mais ao ataque. Até que aos 35 minutos, Eduardo Ramos entrou pela esquerda e cruzou para Júlio Cesár empurrar a bola para o fundo do gol e fazer 1×0. O Gol empolgou o leão. Aos 38 minutos, Dairo ajeitou para Ciro que chutou e Izaías fez uma grande defesa. Depois disso o leão segurou o resultado até o intervalo.

No segundo tempo, o Central tentou impor o mesmo ritmo forte dos minutos iniciais da primeira etapa. Mas não obteve muito sucesso. Jogando no contra-ataque, o Sport era mais perigoso. Aos cinco minutos, Zé Antônio cruzou e Eduardo Ramos cabeceou para grande defesa do goleiro Izaías. No minuto seguinte, Ciro recebeu na área e ao se livrar da marcação chutou para fora. O Central não encontrava força nem qualidade para reagir. O Sport voltou a assustar em chute de Dutra aos 21 minutos e Izaías mandou para escanteio.

O Central mexeu no time em busca de melhorar, mas não funcionou. E as coisas pioraram para o time caruaruense aos 34 minutos. O zagueiro Paiva chutou Leandrão após o juiz já ter marcado falta. O árbitro Alicio Pena Júnior viu e expulsou o jogador centralino. Aí a superioridade do Sport aumentou. E aos 36 minutos, o Sport fez o segundo gol. Leandrão tocou de calcanhar para Dutra que cruzou, o zagueiro Fernando furou e a bola sobrou para Ciro chutar para o gol. O time leonino se empolgou e foi em busca da ampliação do placar. E conseguiu aos 39 minutos, quando após bom toque de bola, Eduardo Ramos recebeu na lateral da área, entrou e bateu cruzado. A bola ainda tocou na trave antes de entrar para fechar a vitória do Sport por 3×0.

Opinião

O Resultado foi mais do que justo. O Central tentou surprender o Sport explorando os erros do adversário. Mas com tranquilidade, o leão foi aos poucos se organizando em campo e tomando conta do jogo. O Sport foi superior e teve as melhores chances da partida. A superioridade leonina só fez crescer após a justa expulsão do zagueiro Paiva. A eficiência do meio ofensivo e do ataque levou o time à vitória.

Mais uma vez Eduardo Ramos comandou a equipe. Foi um maestro, de novo, em campo. Deu assistência para gol, criou várias jogadas e fechou com chave de ouro sua participação ao marcar o terceiro gol da partida.

O Sport está praticamente na final. Só não se pode dá certeza pelo fato de estarmos falando de futebol, onde tudo pode acontecer. Mas é muito improvável que o Central surpreenda e goleie o Sport na Ilha do Retiro. Fazer quatro gols é muito dificíl.

A partida de volta acontece na quarta-feira, 28, às 20h na Ilha do Retiro.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: