Náutico vence o Ipatinga

O Náutico terá um recesso tranquilo. O timbu venceu o seu último jogo pela Série B, antes da parada para Copa do Mundo. Os alvirrubros derrotaram o Ipatinga por 2×0, nos Aflitos. A tranquilidade será não só pela vitória, mas também pelo fato do time ter voltado ao G4 da competição. Com a vitória o Náutico pulou para o 4º lugar com 14 pontos. Já o Ipatinga está na zona do rebaixamento, ocupando a 18ª colocação com apenas três pontos ganhos.

O Ipatinga teve as melhores chances do primeiro tempo. Logo aos dois minutos, Alessandro lançou Danilo Dias que chutou e Glédson fez uma defesa espetacular. Aos 18 minutos, o mesmo Danilo chutou e a bola passou assustando Glédson. Três minutos depois, Geílson quase marca um gol contra. A torcida do Náutico já estava ficando impaciente com o time que errava muitos passes. A primeira grande chance alvirrubra foi aos 25 minutos. Zé Carlos lançou Evando que em grandes condições se atrapalhou com a bola e disperdiçou uma grande chance.

Aos 33 minutos,  Evando recebeu de Geílson e tentou finalizar de calcanhar, mas errou e irritou torcida e companheiros de time. Aos 38 minutos, Diego Bispo recuou erradamente e Gledson se esforçou para dividir com Danilo Dias e salvou o Náutico. Foi o último grande lance da etapa inicial.

No segundo tempo,o Náutico voltou melhor. O time procurou mais o gol. E aos 16 minutos, as coisas melhoraram com a expulsão de Leo Mineiro. Dois minutos depois, o Náutico abriu o placar. Zé Carlos arrancou pela esquerda e cruzou, Bruno Meneghel chegou e empurrou a bola para as redes. O Timbu administrava bem o resultado e na base do abafa era melhor em campo. Aos 38 minutos, Cristiano cruzou da esquerda e Bruno Meneghel apareceu novamente na área e escorou para o fundo do gol. Com a vitória decretada, os alvirrubros ainda viram Francismar ser expulso, aos 42 minutos, após reclamar do juiz.

Opinião

O Resultado veio na base da raça alvirrubra. O primeiro tempo não foi nada bom. O Náutico teve dificuldades para trocar passes, criou pouco e seus atacantes não se apresentaram bem, principalmente Evando. O Ipatinga só não saiu na frente, graças à Glédson. No segundo tempo, o timbu se ajustou e cresceu em campo. Aí no abafa o Náutico chegou à vitória. Bruno Meneghel mostrou que não merece sair do time titular.

Que esse jogo, principalmente no segundo tempo sirva para mostrar à Gallo que Bruno Meneghel precisa começar como titular. Ele foi o nome do jogo. A Defesa ainda precisa de alguns ajustes, mas o esquema com três atacantes é o melhor. Evando não estava em tarde inspirada, mas sabemos que ele pode dá mais para o time.

O Náutico volta à campo no dia 13 de julho às 21h50 contra o ASA-AL, nos Aflitos. Já o Ipatinga irá receber o Sport no Ipatingão no mesmo dia às 21h.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: