Santa volta a empatar com o Confiança

O Santa Cruz voltou a tropeçar na Série D. O tricolor do Arruda conseguiu segurar um empate em 1×1 com o Confiança-SE. O Resultado deixou o Santa na 2ª posição do grupo A04 com cinco pontos. O Confiança tem a mesma pontuação, mas ocupa o 3º lugar por causa dos critérios de desempate.

O Primeiro tempo foi um pouco equilibrado. O time da casa tomou a iniciativa e partiu em busca do gol. O Santa ficou se defendendo e jogando na base do contra-ataque. E foi assim que o tricolor chegou ao gol aos 19 minutos. Luis Eduardo cobrou falta no campo de defesa e lançou Joélson. O atacante tricolor estava livre de marcação, entrou na área e tocou na saída do goleiro por cima para fazer 1×0 para o Santa Cruz. O Confiança tentou reagir e busca o empate. Mas o time sergipano esbarrava nas mãos do goleiro Tutti, na boa marcação defensiva do tricolor e na falta de pontaria de seus próprios atacantes. O Lance mais perigoso foi aos 31 minutos em um chute de Da Silva que acertou a trave do Santa.

No segundo tempo, as coisas mudaram. O Confiança foi totalmente superior. O time pressionou desde o início. Isso graças a uma alteração feita pelo técnico Mauricio Simões que deixou o time muito mais ofensivo na etapa final. Tutti e a sorte foram ajudando o Santa Cruz que não conseguia emplacar os contra-ataques. A pressão do time sergipano surtiu efeito aos 27 minutos. Vovô cobrou falta e Breno desviou de cabeça para empatar o jogo. O time da casa seguiu em cima do Santa em busca da vitória. Aguerrido, o time tricolor se defendia como podia para manter o resultado. Aos 31 minutos, após cobrança de falta Ciro acertou cabeçada na trave. O Santa se fechou e só conseguiu reagir nos minutos finais quando Givanildo colocou Goiano no lugar de Joélson e fez o time segurar o resultado.

Opinião

Foi um resultado injusto pelo que o Confiança fez no segundo tempo. O time sergipano atacou com tudo. E o Santa Cruz se defendeu bem. A falta de pontaria e um boa atuação de Tutti ajudaram o Santa. O tricolor foi aguerrido, mas a falta de qualidade e principalmente a falta de um homem no meio que pudesse puxar o time para o ataque atrapalhou o desempenho. É para comemorar o resultado pela circunstância do jogo, mas é para lamentar pela competição do modo geral. O Santa não consegue jogar um futebol de qualdade e está em situação difícil. A tabela pode ser cruel com o Santa nestes dois últimos jogos. Tomara que Givanildo consiga ajustar o time à tempo. A equipe precisa vencer os dois jogos.

Na próxima rodada, o Santa enfrenta o Potiguar, já eliminado da competição, no Arruda às 16hs do domingo, 15. O Confiança joga contra o CSA no mesmo dia e horário.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: