Sport é derrotado dentro de casa

Caiu a invencibilidade do Sport na Série B. Depois de 12 partidas o leão voltou a sentir o gosto amargo de uma derrota. O rubro-negro perdeu para o Bahia por 2×1 diante de 27 432 torcedores. A Derrota faz com que o Sport permaneça no 6º lugar com 37 pontos. A distância para o G4  permanece três pontos, mas pode aumentar com o complemento da rodada.

A esperança era de um jogo difícil para o Sport. Mas com muita emoção e dramaticidade. Logo aos cinco minutos de jogo o Bahia surpreendeu e abriu o placar. Após falha de marcação, Diego Corrêa entrou na área, driblou Magrão e mandou para o fundo das redes fazendo 1×0. O Sport reagiu foi com tudo em busca do empate. Atacava mas não conseguia finalizar com perigo. Gemrano teve uma grande chance, mas cabeceou fraco nas mão do goleiro. O Leão mandava na partida, mas nada dava certo na hora de concluir. O Sport só conseguiu reagir aos 44 minutos. Marcelinho fez jogada  na entrada da área e foi desarmado. No rebote a bola sobrou para Daniel Paulista chutar de primeira e mandar no ângulo do goleiro. Um golaço. Para delírio da torcida. O empate já era merecido.

No segundo tempo o panorama do jogo não mudou. O Sport continuou com mais volume e atacando mais. Entretanto seguia pecando nas finalizações. O Bahia apostava nos contra-ataques. E foi assim que desempatou a partida. Aos 22 minutos, Vander arrancou do campo de defesa, a marcação demorar e ele cruzou para Moraes, sozinho, chutar no contrapé de Magrão para o fundo das redes. O Sport tentou reagir, mas não teve competência. Nos minutos finais, Eliandro perdeu um gol incrível. Livre na área ele pegou mal na bola que foi longe do gol. Caía, assim a invencibilidade do Sport. E a festa na Ilha era dos jogadores e torcedores do Bahia.

Opinião

O Sport perdeu por falta de competência. O Time teve muito mais posse de bola e volume de jogo. Porém não soube atacar com eficiência, finalizou pouco. E viu o Bahia ser mais esperto e competente em seus poucos ataques, ou melhor, contra-ataques. Faltou tranquilidade ao time rubro-negro para finalizar. Com o time rendendo muito abaixo do esperado não tinha como chegar ao empate. Daniel Paulista fez um golaço e foi um dos poucos do Sport que estiveram bem em campo.

O Time precisa deixar de ser afobado. Precisa de calmar para construir o resultado. A agonia, a pressa e a ansiedade vão fazer mal ao time sempre. Geninho vai precisar trabalhar o psicológico de alguns jogadores e também uma melhor troca de passes entre o meio e o ataque. Ciro precisa aparecer mais e ter um pouco de domínio com a Bola. Foi o jogador mais inseguro e afobado desta partida. Uma das piores, senão a pior apresentação dele no Sport. O Leão tem tempo para reagir, mas precisa ser rápido antes que o sonho de voltar à elite escape pelas próprias pernas.

Na próxima rodada o Sport enfrenta o Paraná às 21hs de terça-feira, 28, na Vila Capanema em Curitiba-PR.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: