Brasil viaja rumo ao Hexa

Neste momento a delegação da Seleção Brasileira está voando rumo à África do Sul. Jogadores e comissão técnica pegaram um voo em Brasília após serem recebidos pelo presidente Lula. Depois de quase uma semana de treinos em Curitiba, a seleção canarinha parte a agora para concluir os treinamentos no país da Copa.

Serão 23 atletas defendendo as nossas cores. Embora contestada por parte da torcida e da imprensa, a Seleção Brasileira viaja como uma das favoritas ao título, o que nos daria o hexacampeonato mundial.

Boa Sorte ao Brasil.

Que venha o HEXA!!!!!!

Anúncios

Favorita Espanha encabeça o Grupo H

O Grupo H da Copa do Mundo conta com a Espanha. Principal seleção da Europa no momento, os espanhóis são francos favoritos ao título mundial. O Chile, Honduras e Suiça tentam atrapalhar a Espanha no seu caminho rumo às finais.

A Espanha vai disputar a Copa do Mundo pela 13ª vez. Os espanhóis vão à África do Sul por terem conquistado os 100% de aproveitamento nas eliminatórias euopéias. A equipe é uma das principais favoritas ao título do mundial. A Seleção espanhola é comandada pelo técnico Vicente Del Bosque. O Principal destaque do time é o atacante Fernando Torres.
Convocados por Vicente Del Bosque:
Goleiros: Iker Casillas, José Manuel Reina, Víctor Valdés
Defensores: Joan Capdevila, Carles Puyol, Gerard Piqué, Raúl Albiol, Sergio Ramos, Álvaro Arbeloa, Carlos Marchena
Meio-campistas: Xabi Alonso, Sergio Busquets, Xavi Hernández, Andrés Iniesta, Jesús Navas, Cesc Fábregas, David Silva, Javi Martínez
Atacantes: Juan Manuel Mata, Fernando Torres, David Villa, Pedro Rodríguez, Fernando Llorente
A Suíça vem para Copa do Mundo com o respaldo de ter sido primeira colocada em seu grupo nas eliminatórias européias. Esta será a 9ª Copa do Mundo do país. O destaque do time comandado por Ottmar Hitzfeld é o atacante Alexander Frei. O Objetivo suíço é superar as quartas-de-finais, que é o seu melhor desempenho.
Convocados por Ottmar Hitzfeld
Goleiros: Diego Benaglio, Johnny Leoni e Marco Woelfli
Defensores: Mario Eggimann, Stephane Grichting, Stephan Lichtsteiner, Philippe Senderos, Christoph Spycher, Steve Von Bergen, Reto Ziegler
Meio-campistas: Tranquillo Barnetta, Valon Behrami, Gelson Fernandes, Benjamin Huggel, Marco Padalino, Pirmin Schwegler, Goklan Inler.
Atacantes: Eren Derdiyok, Alexander Frei, Blaise Nkufo, Hakan Yakin, Xherdan Shaqiri, Marco Streller
Honduras quer fazer história. A seleção se classificou para a 2ª Copa do mundo em sua história. E a vaga veio no último jogo das eliminatórias da Concacaf e no momento em que o país vivia uma guerra política e militar. Os Hondurenhos vão à África sob o comando do colombiano Reinaldo Rueda. O principal destaque da seleção de Honduras é o atacante David Suazo.
Convocados por Reinaldo Rueda:
Goleiros: Noel Valladares, Donis Escober , Ricardo Canales
Defensores: Sergio Mendoza, Emilio Izaguirre, Mauricio Sabillon, Osman Chavez, Johnny Palacios, Boniek Garcia, Maynor Figueroa, Victor Bernardez
Meio-campistas: Danilo Turcios, Ramon Nunez, Hendry Thomas, Edgard Alvarez, Roger Espinoza, Amado Guevara, Wilson Palacios, Julio Cesar de Leon
Atacantes: Walter Martinez, Georgie Welcome, Carlos Pavon, David Suazo
O Chile fez uma grande campanha nas eliminatórias sulamericanas. O 2º lugar deu o direito aos chilenos de disputarem uma Copa do mundo pela 8ª vez. O time comandado pelo argentino Marcelo Bielsa tem como principal destaque o meia Valdivia, ex-Palmeiras. O Objetivo é igualar sua melhor campanha quando foi semifinalista em 1962.
Convocados por Marcelo Bielsa:
Goleiros: Claudio Bravo, Luis Marín e Miguel Pinto
Defensores: Waldo Ponce; Gonzalo Jara, Gary Medel, Mauricio Isla, Arturo Vidal, Pablo Contreras, Ismael Fuentes e Roberto Cereceda
Meio-campistas: Marco Estrada; Carlos Carmona, Rodrigo Millar, Jorge Valdivia, Matías Fernández, Jean Beausejour, Gonzalo Fierro e Rodrigo Tello
Atacantes: Humberto Suazo; Alexis Sánchez, Mark González, Fabián Orellana, Héctor Mancilla, Esteban Paredes

Os adversários do Brasil

O Grupo G é o grupo do Brasil. Mas da nossa seleção vamos falar em um texto(ou post) exclusivo. Vamos agora apenas mostrar quem são os nossos primeiros adversários. Portugal é o mais difícil. Costa do Marfim e Coréia do Norte prometem lutar muito para dificultar também a vida do Brasil. E aí será que a nossa seleção canarinha passa com facilidade ou dificuldade para as oitavas?

A Costa do Marfim vai participar pela segunda vez de uma copa do mundo. A vaga foi conquistada com uma campanha invicta nas eliminatórias africanas. A seleção é comandada pelo sueco Sven-Goran Eriksson e tem como destaque o atacante Didier Drogba. A meta é superar a campanha de 2006, quando foi eliminada na primeira fase.
Os convocados por Sven-Goran Eriksson
Goleiros: Vincent Angban, Boubacar Barry, Aristides Zogbo e Daniel Yeboah
Defensores: Souleymane Bamba, Arthur Boka, Benjamin Angoua, Guy Demel, Emmanuel Eboué, Abdoulaye Méité, Steve Gohouri, Siaka Tiéné e Kolo Touré
Meio-campistas: Emerse Faé, Jean-Jacques Gosso, Kader Keita, Emmanuel Koné, Romaric, Cheik Tioté, Yaya Touré, Gilles Yapi Yapo, Didier Zokora e Kanga Akalé.
Atacantes: Aruna Dindane, Seydou Doumbia, Didier Drogba, Salomon Kalou, Bakary Koné, Gervinho e Traoré Lassina

A Coréia do Norte também irá para a sua 2ª Copa do Mundo. Os norte-coreanos tentarão repetir o feito de 1966 quando surpreenderam e foram eliminados apenas nas quartas-de-finais por Portugal. A Seleção é comandada por Kim Jong-Hun. O principa destaque é o volante An Hyong-Hek. O País conseguiu a vaga na Copa da África do Sul ao ser 2º lugar em seu grupo das eliminatórias asiáticas.

Goleiros: Kim Myong Gil e Ri Myong Guk

Defensores: Cha Jong Hyok, Nam Song Chol, Pak Chol Jin, Ri Jun Il,Ri Kwang Chon, Ri Kwang Hyok

Meio-campistas:Ahn Yong Hak,Ji Yun Nam, Kim Yong Jun,Kim Kyong Il,Mun In Guk,Pak Nam Chol, Ri Chol Myong

Atacantes: An Chol Hyok, Choe Kum Chol,Hong Yong Jo, Jong Tae Se, Kim Kum Il, Kim Myong Won, Pak Sung Hyok e Pak Nam Chol

Os Portugueses são favoritos do grupo junto com o Brasil. E tem uma curiosidade, três jogadores convocados são brasileiros naturalizados português. São eles: o zagueiro Pepe, o meia Deco e o atacante Liédson. O Principal destaque da seleção comandada por Carlos Queiroz é o meia Cristiano Ronaldo. Esta será a 5ª Copa do Mundo de Portugal que garantiu a vaga na repescagem ao eliminar a Bósnia. O Objetivo é igualar ou até superar o feito de 2006 quando o país foi 4º lugar.

Convocados por Carlos Queiroz

Goleiros: Beto, Daniel Fernandes e Eduardo

Defensores: Miguel, Paulo Ferreira, Fábio Coentrão, Duda, Pepe, Rolando, Ricardo Carvalho, Bruno Alves, Ricardo Costa e José Castro

Meio-campistas: Raul Meirelles, Pedro Mendes, Miguel Veloso,  Tiago, Simão Sabrosa, Deco e Danny

Atacantes: Liédson, Cristiano Ronaldo, Hugo Almeida e Nani

Especial Copa do Mundo

Torcedor, nesta quarta-feira, 26, estarei encerrando a parte de Grupos do Especial Copa do Mundo. Faltam apenas o Grupo G e H.

Você pode participar deste especial mandando fotos, vídeos(até motivacionais para o time e/ou a torcida brasileira) ou textos para o email penasquatrolinhas@yahoo.com.br;

Atual campeã está no Grupo F

O Grupo F da Copa do Mundo é encabeçado pela atual campeã Itália. Os tetracmpeões são favoritos neste grupo, mas vão se precaver para não ser surpreendido pelas outras equipes. Paraguai, Nova Zelândia e Eslováquia lutam pela segunda vaga e para tentar desbanca a campeã Itália. Os paraguaios tem mais tradição e tentam superar marcas, enquanto que eslovacos e neozelandês buscam surpreender.

A Itália é a atual campeã do mundo. Conquistou o tetracampeonato em 2006 e chega como uma das favoritas nesta que será sua 17ª Copa do Mundo.A equipe garantiu a participação na Copa ao terminar as eliminatórias européias de forma invicta e em 1º lugar do seu grupo. O Destaque da seleção comandada por Marcelo Lippi é o goleiro Buffon. Será que os italianos vão se igualar ao Brasil em número de títulos?
 
Convocados por Marcelo Lippi:

Goleiros: Gianluigi Buffon, Morgan De Sanctis, Federico Marchetti, Salvatore Sirigu

Defensores: Gianluca Zambrotta, Fabio Cannavaro, Giorgio Chiellini, Christian Maggio, Leonardo Bonucci, Domenico Criscito, Mattia Cassani, Salvatore Bocchetti

Meio-campistas: Andrea Pirlo, Gennaro Gattuso, Daniele De Rossi, Riccardo Montolivo, Mauro Camoranesi, Angelo Palombo, Andrea Cossu, Claudio Marchisio , Simone Pepe

Atacantes: Fabio Quagliarella, Giuseppe Rossi, Vincenzo Iaquinta, Antonio Di Natale, Marco Borriello, Alberto Gilardino , Giampaolo Pazzini

O Paraguai vai para sua 8ª Copa. A classificação veio com o 3º lugar geral nas eliminatórias sulamericanas. O Objetivo é superar sua melhor campanha e chegar mais longe do que as oitavas-de-finais. O atacante Roque Santa Cruz é o destaque paraguaio. O Comando da Seleção Paraguaia é de Gerardo “Tata” Martino.

Convocados por Tata Martino:

Goleiros: Justo Villar, Aldo Bobadilla e Diego Barreto

Defensores: Claudio Morel Rodríguez, Denis Caniza, Paulo da Silva, Darío Verón, Julio César Cáceres, Julio Manzur, Carlos Bonet, Aureliano Torres, Marcos Cáceres, Antolín Alcaraz

Mei0-campistas: Edgar Barreto, Cristian Riveros, Osvaldo Martínez, Víctor Cáceres, Enrique Vera , Jonathan Santana, Sergio Aquino, Eduardo Ledesma, Néstor Ortigoza, Marcelo Estigarribia

Atacantes: Roque Santa Cruz, Nelson Haedo Valdez, Oscar Cardozo, Edgar Benítez , Lucas Barrios, Rodolfo Gamarra, Jorge Achucarro

A Nova Zelândia tenta ser a zebra do Grupo F. Esta será apenas a 2ª Copa dos neozelandeses. A Nova Zelândia foi a campeã da Oceania e garantiu a vaga na repescagem contra o Bahrein.O Treinador Ricki Hebert conta com o experiente zagueiro Ryan Nelsen como destaque de sua seleção.
Convocados por Ricki Hebert:

Goleiros: James Bannatyne, Glen Moss e Mark Paston;

Defensores: Andy Boyens, Tony Lochhead, Ryan Nelsen, Winston Reid, Ben Sigmund, Tommy Smith  e Ivan Vicelich;

Meio-campistas: Andy Barron, Leo Bertos , Tim Brown, Jeremy Christi, Aaron Clapham, Simon Elliott, Michael McGlinchey e David Mulligan;

Atacantes: Jeremy Brockie, Rory Fallon , Chris Killen, Shane Smeltz, Chris Wood.

A Eslováquia vai disputar a Copa do Mundo pela 10ª vez. A vaga veio pela boa campanha nas eliminatórias européias que rendeu o primeiro lugar de seu grupo. O Destaque do time comandado por Vladimir Weiss é o zagueiro Martin Skrtel.

Convocados por Vladimir Weiss:

Goleiros: Jan Mucha, Dusan Kuciak, Lubos Kamen e  Dusan Permis

Defensores: Peter Pekarik, Martin Petras, Martin Skrtel, Lubomir Michalik, Jan Durica, Radoslav Zabavnik, Marek Cech, Tomas Hubocan e Kornel Salata

Meias: Kamil Kopunek, Jan Kozak, Juraj Kucka, Miroslav Karhan, Marek Sapara, Mario Pecalka , Stanislav Sestak, Marek Hamsik, Vladimir Weiss, Miroslav Stoch, Dusan Svento e Zdeno Strba

Atacantes: Erik Jendrisek, Robert Vittek, Martin Jakubko e Filip Holosko

Briga boa no Grupo E

 

O Grupo E da Copa do Mundo terá uma disputa interessante. Duas fortes seleções européias tentam manter o favoritismo diante do futebol mais tradicional da Ásia e da África. A Holanda e a Dinamarca tentarão não ser surpreendias por Japão e Camarões. É promessa de briga boa pelas duas vagas nas oitavas-de-finais.

A Holanda chega forte para a sua 9ª Copa do Mundo. O país se classificou como primeira em seu grupo das eliminatórias européias, vencendo todos os seus jogos. O Destaque holandês é o meia Wesley Sneidjer. O time do técnico Bert van Marwijik vai em busca do inédito título mundial.

Convocados por Bert van Marwijik:

Goleiros: Maarten Stekelenburg, Sander Boschker, Michel Vorm

Defensores: Andre Ooijer, Vurnon Anita, Khalid Boulahrouz, Edson Braafheid, Giovanni van Bronckhorst, John Heitinga, Joris Mathijsen, Ron Vlaar, Gregory van der Wiel

Meio-campistas: Wesley Sneijder, Mark van Bommel, Orlando Engelaar, Ibrahim Afellay, Nigel de Jong , Stijn Schaars, Rafael van der Vaart, Demy de Zeeuw

Atacantes: Arjen Robben, Ryan Babel, Eljero Elia, Dirk Kuyt, Jeremain Lens, Robin van Persie, Klaas Jan Huntelaar

A Dinamarca vai disputar sua 4ª Copa do Mundo. Os dinamarqueses se classificaram ao terminar as eliminatórias européias em 1º lugar do seu grupo. Entres os comandados de Morten Olsen, o destaque é o atacante Nicklas. Bendtner.

Convocados por Morten Olsen:

Goleiros: Thomas Sorensen, Stephan Andersen, Kin Christensen, Jesper Christiansen

Defensores: William Kvist Jorgensen, Lars Jacobsen, Simon Kjor, Per Kroldrup, Daniel Agger, Patrick Mtiliga, Simon Busk Poulsen

Meio-campistas: Martin Jorgensen, Christian Poulsen, Daniel Jensen, Jakob Poulsen, Michael Silberbauer,  Thomas Kahlenberg, Thomas Enevoldsen, Michael Krohn-Dehli, Christian Eriksen, Mikkel Beckmann

Atacantes: Dennis Rommedahl, Jesper Gronkjaer, Jon Dahl Tomasson, Soren Larsen, Nicklas Bendtner

O Japão irá disputar sua 4ª Copa do Mundo consecutiva. E esta será a 4ª participação dos japoneses na história do mundial. O atacante Nakamura é o destaque da seleção. O Japão, que é comandado por Takeshi Okada, garantiu a vaga na Copa ao terminar em 2º lugar do seu grupo nas eliminatórias asiáticas.  4ª Copa do mundo, curiosamente é de forma consecutiva. Se Classificou como 2º colocado do seu grupo em eliminatórias asiáticas.

Convocados por Takeshi Okada:

Goleiros: Kawaguchi, Kawashima e Narazaki

Defensores: Iwamasa, Komano, Konno, Nagatomo, Nakazawa, Túlio e Uchida

Meio-campistas: Abe, Endo, Hasebe, Honda, Inamoto, Matsui, K. Nakamura e S. Nakamura

Atacantes: Morimoto, Okazaki, Okubo, Tamada e Yano

Camarões chega como principal time africano. O país irá disputar sua 6ª Copa do Mundo. Conseguiu a vaga ao terminar em 1º lugar no seu grupo das eliminatórias africanas. O grande destaque camaronês é o atacante Samuel Eto’o.  A Seleção é comandada pelo francês Paul Le Guen e tenta ser a melhor colocada entre as africanas.

Convocados por Paul Le Guen:

Goleiros: Hamidou Souleymanou, Idriss Carlos Kameni, Guy Roland Ndy Assembe, Amour Patrick Tignyemb

Defensores: Jean Patrick Abouna Ndzana, Benoit Assou-Ekotto, Sebastien Bassong, Gaetan Bong, Aurelien Chedjou, Geremi Njitap, Stephane Mbia, Makadji Boukar, Nicolas Nkoulou, Rigobert Song

Meio -campistas: Marcel Ndjeng, Enoh Eyong Tarkang, Jean II Makoun, Georges Mandjeck, Joel Matip, Patrick Mevoungou, Landry Nguemo, Alexandre Song

Atacantes: Vincent Aboubakar, Eric Choupo-Moting, Achille Emana, Samuel Eto’o, Mohamadou Idrissou, Rostand Dorge Kouemaha, Achille Webo e Jacques Zoua

Alemanha tenta evitar surpresas

O Grupo D da Copa do Mundo tem a favorita Alemanha e outras sérias candidatas a zebra nesta edição do Mundial. Austrália, Sérvia e Gana querem atrapalhar a tricampeã e ainda tentar surpreender outras seleções na fase mata-mata da competição. Enquanto isso a Alemanha vai com tudo em busca do tetracampeonato.
A Alemanha chega para sua 17ª Copa do Mundo com o respaldo de ter chegado entre os quatro primeiros colocados nas duas últimas edições. A Seleção tricampeã mundial chegou à esta Copa ao passar de forma invicta pelas eliminatórias européias. Os alemães não terão o meia Michel Ballack que sofreu uma lesão na útlima semana. Com isso as atenções se voltam para o atacante Mirslav Klose. O Técnico Joachim Löw vem fazendo uma série de treinamentos na cidade da Sicília, na Itália. Mesmo sem contar com seus principais jogadores, ele já realizou alguns amistosos preparatórios. Será que a Alemanha vai conseguir o tetra?
Convocados por Joachim Löw:
Goleiros: Manuel Neuer, Tim Wiese e Jörg Butt
Defensores: Denis Aogo, Jerome Boateng, Marcel Jansen, Holger Badstuber, Philipp Lahm, Andreas Beck, Arne Friedrich, Per Mertesacker, Serdar Tasci, Heiko Westermann
Meio-campistas: Sami Khedira, Christian Träsch , Toni Kroos, Marko Marin, Mesut Özil, Bastian Schweinsteiger e Piotr Trochowski.
Atacantes: Cacau, Mario Gómez, Miroslav Klose e Thomas Müller, Stefan Kiessling e Lukas Podolski

A Austrália vai disputar sua terceira Copa do Mundo. A melhor participação até então foi em 2006 quando acabou eliminada nas oitavas-de-finais pela Itália. O Destaque australiano é o meia Tim Cahill. A equipe do técnico Pim Verbeek chegou para esta Copa sendo primeiro lugar do seu grupo nas eliminatórias asiáticas, superando o Japão.

Convocados por Pim Verbeek:

Goleiros: Mark Schwarzer, Brad Jones, Eugene Galekovic e Adam Federici.

Defensores: Craig Moore, Lucas Neill, Luke Wilkshire, Scott Chipperfield, David Carney, Mark Milligan , Jade North, Michael Beauchamp, Shane Lowry  e Rhys Williams

Meio-campistas: Jason Culina, Tim Cahill, Brett Emerton, Mark Bresciano, Vince Grella, Brett Holman, Carl Valeri, Mile Jedinak, Richard Garcia, Nicky Carle, Tommy Oar e James Holland

Atacantes: Harry Kewell, Josh Kennedy, Scott McDonald, Dario Vidosic e Nikita Rukavytsya

Está será a primeira vez da Sérvia, independente, em uma copa do Mundo. Em 2006 o País ainda era dividido com Montenegro. Particpou da Copa, mas foi eliminado na primeira fase. A equipe conseguiu a vaga na Copa de 2010 ao ser primeira colocada em seu grupo das eliminatória européias. O time comandado por Radomir Antic tem como principal estrela o meia Dejan Stanckovic, do Inter de Milão-ITA.

Convocados por Radomir Antic:

Goleiros: Vladimir Stojkovic, Zeljko Brkic, Bojan Isailovic, Andjelko Djuricic

Defensores: Branislav Ivanovic, Antonio Rukavina, Nemanja Vidic, Neven Subotic, Aleksandar Lukovic, Ivan Obradovic, Aleksandar Kolarov, Jagos Vukovic

Meio-campistas: Dejan Stankovic , Nenad Milijas, Milos Krasic, Milan Jovanovic, Milos Ninkovic, Zdravko Kuzmanovic, Zoran Tosic, Miralem Sulejmani (Ajax-HOL), Gojko Kacar, Nemanja Matic, Radosav Petrovic, Nemanja Tomic

Atacantes: Nikola Zigic, Marko Pantelic, Danko Lazovic, Dragan Mrdja, Dejan Lekic

A Seleção de Gana entra como candidata à zebra no Grupo D da Copa do Mundo. E a motivação é maior para a 2ª Copa do pais, pelo simples fato de em 2006 terem chegado nas Oitavas-de-finais, sendo eliminado pelo Brasil. Os ganeses se classificaram ao ser 1º lugar de seu grupo nas eliminatórias africanas. O Comandante desta seleção é o sérvio Milovan Rajevac que tem como principal jogador o meia Michel Essien, do Chelsea da Inglaterra. Será Gana vai surpreender de novo?

Convocados por Milovan Rajevac:

Goleiros: Richard Kingson, Daniel Agyei, Stephen Ahorlu, Stephen Adams

Defensores: Samuel Inkoom, Eric Addo, Jonathan Mensah, Lee Addy, Rahim Ayew, Hans Sarpei, John Mensah, Isaac Vorsah, John Paintsil.

Meio-campistas: Sulley Ali Muntari, Derek Boateng, Anthony Annan, Emmanuel Agyemang-Badu, Kwadwo Asamoah, André Ayew, Michael Essien, Stephen Appiah, Haminu Dramani, Quincy Owusu Abeyie, Bernard Kumordzie, Laryea Kingston, Kevin-Prince Boateng

Atacantes: Matthew Amoah, Asamoah Gyan, Prince Tagoe e Dominic Adiyiah